(18) 996980957............(18) 3918-5300..........

NO AR

Onda Viva 95,7 FM

www.ondaviva.com.br

Brasil

Recém-inaugurada, escola tem 'gambiarra' elétrica, lama e muro caindo

Publicada em 12/02/20 as 20:10h por - 3 visualizações


Compartilhe
   

Link da Notícia:

 (Foto: )
Prevista para ser entregue em 2017, a recém-inaugurada Escola Municipal Ivan Júnior Lima Barbosa, localizada no Parque Alexandrina, teve suas atividades iniciadas nesta semana. Contudo, apesar de novo, o local apresenta "gambiarras" elétricas, buracos no piso, muro com risco de queda, entre outros problemas encontrados por uma comissão formada por três vereadores.

Nesta terça-feira (11), a comissão formada por Demerson Dias (PSB), Mauro Neves (PSDB) e Adão Batista (PSB) encontrou funcionários realizando reparos no prédio. "Ontem estive na escola após denúncias de pais sobre condições do prédio. Essa escola era para ter sido entregue em 2017, mas só foi em entregue agora, com uma semana de atraso em relação as outras escolas", diz Neves.

"Logo na entrada muita lama e vemos fios próximos do chão. Crianças pequenas de 0 a 5 anos estudam lá. Não tem ventilador e nem ar-condicionado, muro novo já com risco de cair. A escola não está em condições de receber alunos", relata o vereador.


Diante dos graves problemas encontrados no local, os vereadores decidiram acionar o Ministério Público Estadual (MPE) e Corpo de Bombeiros.

"Uma escola que acabou de ser entregue à comunidade com esses problemas. Achamos ventilador jogado em uma sala. Protocolamos pedido de vistoria no Corpo de Bombeiros, Ministério Público e Promotoria da Juventude. Agora, vamos esperar quais as providências que serão tomadas", pontua.

Questiona AVCB

Em documento enviado ao 14º Grupamento do Corpo de Bombeiros, a Câmara Municipal questiona se foi emitido Auto de Vistoria (AVCB). Em seguida, pede vistoria no local com urgência após os vereadores receberem "várias reclamações de pais de alunos", com situações que "colocam em risco as crianças que frequentam a escola".

Já ao promotor de Justiça Marcos Akira, solicitaram a adoção de "providências julgadas oportunas" pela Promotoria de Infância e Juventude.

Nega gambiarras

Em nota enviada ao Portal, a Prefeitura de Prudente nega a existência de "gambiarras" na parte elétrica e diz que a "instalação provisória" no local é a mesma existente em boa parte das unidades de ensino do município.

"O Governo de Presidente Prudente informa que não há 'gambiarra' elétrica na referida escola recém-inaugurada. A instalação provisória no local é a mesma existente em boa parte das unidades de ensino do município que não possuem ar-condicionado e não oferece qualquer risco aos alunos", promete.

A promessa é que o padrão de energia seja instalado até o fim de semana. "Como esta unidade terá aparelhos de ar condicionado em todas as salas, até este fim de semana será trocado o padrão de energia para suportar estes novos aparelhos", promete.

"Em relação às pequenas intervenções em andamento na estrutura do prédio, a Seduc esclarece que a prefeitura realiza, ao longo de todo o ano, reparos nos prédios públicos, inclusive em escolas, e estes trabalhos em nada interferem no bom andamento das aulas nem oferecem risco aos alunos e funcionários. É o caso da escola em questão", finaliza.



ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:


 
Enquete
O Brasil deve ou não apoiar o Presidente dos Estados Unidos na guerra contra o Irã?

 Sim, deveria
 Não deveria







.

LIGUE E PARTICIPE

(18) 99698-0957 ou (18) 3918-5300

Visitas: 182635
Usuários Online: 18
Copyright (c) 2020 - Onda Viva 95,7 FM - Desenvolvido: André Fogaroli - (18) 98193-5458