*( 1 8 ) 9 9 6 9 8 - 0 9 5 7 * * ( 1 8 ) 3 9 1 8 - 5 3 0 0 *

NO AR

Programa - Tempo de Fé

Com Éder Lenardon

Brasil

Prefeitura estuda pedir à Justiça novo prazo para remover boxistas irregulares do Camelódromo

Publicada em 25/04/19 as 10:05h por - 122 visualizações


Compartilhe
   

Link da Notícia:

 (Foto: )
A Prefeitura de Presidente Prudente estuda pedir um novo prazo à Justiça para remover 32 boxes instalados irregularmente no Camelódromo, na Praça da Bandeira, no Centro da cidade.

A informação é do secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Carlos Alberto da Silva Corrêa, que acompanhou na manhã desta quarta-feira (24) o início dos trabalhos de demolição dos imóveis localizados abaixo do Viaduto Tannel Abbud.

No local, deverão ser realocados os comerciantes notificados pelo governo municipal, em fevereiro, para deixar as áreas.

Esses 32 boxes construídos não constam no projeto original que regulamentou o espaço e, por isso, foram alvo de ação na Justiça.

No dia 19 de março, a Vara da Fazenda Pública de Presidente Prudente concedeu mais tempo para o município atender à obrigação imposta por uma sentença para a redução dos boxes instalados no chamado Shopping Popular.

Por isso, o município notificou os proprietários e responsáveis pelos boxes.

De acordo com o secretário, se a demolição e a adequação do novo local onde esses comerciantes devem ser instalados não estiverem concluídas, é possível que o município pleiteie um novo prazo na Justiça.

“Podemos mostrar ao Judiciário que providências estão sendo tomadas, que o caso está perto de ser solucionado e, a partir daí, pedir até um novo prazo, caso seja necessário”, disse Corrêa.

A Prefeitura tem até o dia 8 de maio para providenciar a remoção dos boxistas.

O Poder Judiciário liberou a permanência no Camelódromo de apenas 240 boxes, número que consta do projeto original criado pela Prefeitura para aquela área comercial.

O prefeito Nelson Roberto Bugalho (PTB) afirmou na manhã desta quarta-feira (24) que os boxes que servem alimentos devem ser instalados num lugar mais adequado – onde os imóveis estão sendo demolidos.

“Segundo o projeto original do Camelódromo, não podemos ter alimentação nos boxes. Por isso, vamos providenciar uma nova área, com mais estrutura”, afirmou o prefeito.



ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








.

LIGUE E PARTICIPE

(18) 99698-0957 ou (18) 3918-5300

Visitas: 245022
Usuários Online: 46
Copyright (c) 2020 - Onda Viva 95,7 FM - Desenvolvido: André Fogaroli - (44) 98431-2714