Notícias
17/08/17 - Programa Emprega São Paulo oferece 28 vagas de trabalho em Presidente Prudente

17/08/17 - Previsão do tempo para Presidente Epitácio

17/08/17 - Mega-Sena sorteia R$ 7 milhões em Presidente Venceslau

17/08/17 - Homem morre após acidente entre bicicleta motorizada e picape em Epitácio

17/08/17 - Previsão do tempo para Presidente Prudente

16/08/17 - Ação civil pública do MPE tenta derrubar na Justiça 'aumento' de 26,34% em PP

16/08/17 - Previsão do tempo para Presidente Prudente

16/08/17 - Petrobras reduz preço da gasolina em 1,4%; diesel sobe

16/08/17 - TJ nega recurso de ex-prefeito por desvio de dinheiro

16/08/17 - Previsão do tempo para Regente Feijó

16/08/17 - Chuvas devem aumentar até sexta-feira, apontam radares

15/08/17 - Justiça considera inconstitucionais abonos em Rosana

15/08/17 - Dupla que praticava roubos de caminhões é detida em operação da Polícia Civil

15/08/17 - Previsão do tempo para Rosana

15/08/17 - Após acidente, MPE-SP cobra rigidez em segurança de shows

15/08/17 - Previsão do tempo para Presidente Prudente

15/08/17 - Moro diz que reforma política proposta 'não é uma verdadeira reforma'

14/08/17 - Convocados para revisão do auxílio-doença têm até dia 21

14/08/17 - Previsão do tempo para Santo Anastácio

14/08/17 - Bugalho estuda alargar calçadas da área central

  Confira
Feijão carioquinha está 24% mais barato em Prudente
Em meio à crise financeira, uma boa notícia aos consumidores de Presidente Prudente. Levantamento realizado pelo Índice de Preços Toledo (IPT) em seis supermercados de Presidente Prudente aponta queda de 24,54% no preço do quilo do feijão carioquinha.

Pesquisa realizada no dia 4 deste mês constatou deflação de 5,05% no valor da cesta básica. Na prática, o consumidor que gastava R$ 560,99 no mês passado desembolsa, em média, R$ 532,66.

Os alimentos sofreram queda de 5,52%, com destaque para o feijão carioquinha, que ficou 24,54% mais barato. Já o quilo da linguiça fresca teve redução de 21,18%.

Seguindo a tendência, artigos de limpeza que compõem a cesta básica apresentaram deflação de 2,85%. A água sanitária de um litro teve redução de 15,35%, enquanto que o sabão em pó sofreu diminuição de 11,49% no preço.

No setor de higiene pessoal a deflação foi de 3,17%, com destaque para o shampoo e absorvente, que tiveram quedas de 16,02% e 12,36%, respectivamente.

Diferença de preços

Segundo a pesquisa, promoções, variedades e disponibilidade de produtos nos estabelecimentos promovem considerável diferença de preços entre os locais pesquisados. É o caso do quilo do frango resfriado inteiro, que variou entre R$ 4,98 e R$ 9,95, resultando em diferença de 99,80%.

O pacote de arroz tipo1 de cinco quilos foi encontrado entre R$ 8,99 e R$ 11,70, apresentando diferença de 30,14%.

Fonte: www.portalprudentino.com.br
 

Ao Vivo

  Diocese
Ao Vivo